domingo, 23 de janeiro de 2011

Incapaz

Então ele me abraça . Contorna meu corpo ,beija meus lábios como um leão faminto ,ele me ama .. Me dá seu próprio ar ,me corta com suas garras . Ele me ama ? Não ,ele não ama ninguém . O vento gelado que aqui está ,é completamente i n c a p a z de Amar .

Nenhum comentário:

Postar um comentário