terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Alone

Não existe problema algum em estar sozinha, contanto que você esteja consigo mesma nada mais importa.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

O nosso mundinho.

Quantos abraços foram assim? Aqueles abraços fortes, onde você me apertava para sentir o calor do meu corpo. Eu ficava na pontinha dos pés para alcançar a sua boca e quando olhava em seus olhos não precisava dizer mais nada.. Depois disso caíamos na risada, pois você não resistia me vendo na pontinha dos pés só para beijá-lo. Após risadas, mordidas e tapas, caíamos muitas vezes no sofá da minha casa ou na sua cama e ficávamos ali, no nosso mundinho. Lá, nada podia nos tocar ou machucar, eramos só eu, vc e mais ninguém.


Home.
















Desde então a sua alma prefere o corpo dela como Lar.

a SOUL

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

innocence

Amor, devoção. Sentimento, emoção. Não tenha medo por ser fraco, não tenha tanto orgulho por ser forte, apenas olhe dentro de seu coração, meu amigo, esse será o retorno a você mesmo, o retorno à inocência. Se você quer, então comece a rir, se você deve, então comece a chorar. Seja você mesmo, não se esconda, apenas acredite no destino. Não se importe com o que os outros dizem, apenas siga seu próprio caminho. Não desista e use a chance para retornar à inocência. Esse não é o começo do fim, esse é o retorno a você mesmo, o retorno à inocência..

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

A saudade..

Porque a vida segue. Mas o que foi bonito fica com toda a força. Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga. E a gente lembra. E já não dói mais. Mas dá saudade. Uma saudade que faz os olhos brilharem por alguns segundos e um sorriso escapar volta e meia, quando a cabeça insiste em trazer a tona, o que o coração vive tentando deixar pra trás. - Caio F Abreu -

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Vômito.

Durante anos, meses, semanas, dias, horas ,minutos e segundos você engole a sua dor. Você bebe a própria raiva, faz dela aquele drink amargo que desce queimando por toda a sua alma. Você toma a sua própria mágoa e com ela cria o mais belo sorriso. Se acostuma a fingir que tudo está bem, não por ser mentirosa, mas por ser mais fácil sorrir com uma máscara do que deixar as lágrimas caírem borrando toda a sua maquiagem.. Até que você vomita. Todas as mágoas, lágrimas, raiva, rancor, medo e fraqueza se juntam no mais forte e intenso porre da alma e você acaba colocando tudo para fora. Toda a agonia que te fazia passar mal durante as noites de solidão cai para fora, direto no chão e você vomita.. Cospe até a última gota de dor que cabe em você. Então você se deita, fecha os olhos e espera amanhecer, porque você sabe que amanhã de manhã a dor volta a atormentar você.

Only exception ♥

Talvez eu saiba em algum lugar no fundo da minha alma que o amor nunca dura e nós temos que arranjar outros meios de fazer isso sozinhos ou manter a cabeça erguida. E eu sempre vivi assim, mantendo uma distância confortável e até agora eu jurei pra mim mesma que eu era feliz com a solidão porque nada disso nunca valeu o risco, mas você é a única exceção, você é a única exceção e eu estou quase acreditando, e eu estou quase acreditando..

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Esse amor.

Arrumarei essas coisas quebradas, consertarei suas asas quebradas e me certificarei de que tudo está bem. Minha pressão nos seu quadris, afundar as pontas dos meus dedos em cada centímetro de você porque sei que é isso que você quer que eu faça.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

a mais Pura verdade!

E mais ninguém.

Não há mal algum em desejar estar só, consigo mesmo. Ter um minuto que seja para deitar sozinho sobre a cama e pensar sobre qualquer coisa que venha a mente. Colocar as idéias no lugar, ou então deixar que elas simplesmente permaneçam bagunçadas e quietas lá no fundo de uma caixinha. Sentar sobre o chão e deixar que as lágrimas façam o seu caminho natural, dos olhos até a curva final do seu queixo. Sentir o peito doer com uma angústia enquanto abraça as próprias pernas, procurando por força. Deixar a luz do sol entrar por todo o quarto escuro chegando até os seus olhos. Isso jamais seria egoísmo. Estar com você mesmo, precisar de si mesmo, não por não ter ninguém para permanecer ao seu lado, mas por perceber que você também pode se fazer Feliz, você também pode se ajudar, não por outros ou outras. Porque você se ama acima de tudo, você tem que se amar acima de tudo, apenas por si mesmo.